A companhia aérea australiana Qantas Airways, realizou nesse final de semana o voo sem escala mais longo da história, com 19 horas e 16 minutos de duração. O voo experimental faz parte do “Project Sunrise”, um programa para lançar voos comerciais regulares sem escalas da costa leste da Austrália para New York, Londres, Paris, Frankfurt, Cidade do Cabo e Rio de Janeiro.

A companhia aérea usou o novo Boeing 787-9 Dreamliner, que decolou de New York na sexta-feira com 49 pessoas a bordo rumo à Sydney, na Austrália. O voo apresentou vários desafios em potencial, desde evitar que os passageiros tivessem trombose e ficassem confortáveis, até mesmo manter os pilotos e a tripulação de cabine alertas e descansados.

A Qantas informou que está analisando se viagens com distâncias tão longas são viáveis economicamente, mas já adiantou que espera operar as rotas a partir 2022.

Últimos Artigos

WARREN BUFFETT – Participação de Warren Buffett na Apple triplica em valor para mais de US$ 100 bilhões

O CEO da Berkshire Hathaway gastou cerca de US$ 35 bilhões para aumentar sua participação em 5,7% nas ações da Apple na...

ALPHABET (GOOGLE) – Balanço 2º Tri 2020 – Lucros superam expectativas, mas empresa tem seu primeiro declínio de receita na história

A Alphabet (Google) anunciou seus ganhos para o segundo trimestre. Os números divulgados, embora acima das expectativas de Wall Street, não foram...

AMAZON – Balanço 2º Tri 2020 – Empresa registra lucro trimestral recorde e crescimento de 40% nas vendas

A Amazon relatou o maior lucro líquido de sua história para os ganhos do segundo trimestre. As vendas aumentaram 40% em relação...

FACEBOOK – Balanço 2º Tri 2020 – Números superam as expectativas de receita, lucros e crescimento de usuários

O Facebook anunciou um crescimento de dois dígitos em sua receita no segundo trimestre. A empresa superou as expectativas de Wall Street...

Artigos Relacionados

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui